3 maneiras inovadoras de estruturar seu departamento de RH

ANÚNCIO

Nikki foi recentemente contratada como a nova diretora de recursos humanos de uma startup de tecnologia que está crescendo rapidamente. É um momento empolgante: o que começou como apenas alguns pontos em um minúsculo organograma cresceu rapidamente em várias seções e departamentos.

À medida que a startup cresce, também aumenta sua necessidade de um departamento de RH designado. É aí que entra Nikki. Ela deve determinar como as atividades dentro do departamento de RH serão organizadas, controladas e coordenadas. Parece um desafio divertido? Certamente é. Para proprietários de startups e tomadores de decisão de RH como Nikki, aqui estão três maneiras inovadoras de estruturar um departamento de RH de sucesso do zero:

ANÚNCIO

1. Contrate para operações de pessoal

Quando as pessoas pensam em “operações de pessoal”, geralmente o Google vem à mente. A gigante da tecnologia foi pioneira nessa abordagem baseada em dados para recursos humanos, e as startups mais avançadas de hoje estão seguindo o exemplo (como é o caso de muitas coisas que o Google faz).

O que diferencia as operações de pessoal do RH tradicional? Para começar, as operações de pessoal são mais do que apenas recursos humanos – é uma abordagem baseada em dados para compreender o ativo mais valioso de uma empresa: seu pessoal. E o mais importante, essa abordagem de RH é baseada na reciclagem dos funcionários, entendendo o que os motiva.

Quando se trata de funcionários, elimine as suposições das pesquisas de satisfação dos funcionários, avaliações da equipe e mídias sociais. Por ter uma equipe dedicada para solicitar dados relacionados aos funcionários, o RH pode identificar com mais precisão os problemas que levam ao desligamento e desgaste e, portanto, evitá-los.

ANÚNCIO

2. Impulsione uma pequena equipe com um grande software

Para pequenas empresas com equipes de recursos humanos ainda menores, os profissionais de RH geralmente precisam conciliar várias funções, desde recrutador, gerente de talentos e contador. Em um esforço para colocar o “humano” de volta nos recursos humanos, as empresas hoje estão optando por automatizar tarefas específicas de RH para tornar mais fáceis processos notoriamente tediosos para empregadores e funcionários.

How Successful Entrepreneurs Predict the Future
Foto: (Reprodução/Internet)

Ao automatizar funções administrativas demoradas de RH, como folha de pagamento, administração jurídica ou de benefícios, há mais tempo para interagir e gerenciar os funcionários. Dessa forma, a tecnologia pode literalmente colocar o ser humano de volta nos recursos humanos. Para empresas com uma equipe de RH pequena, mas em crescimento, o software compensa para fazer uma equipe pequena se sentir super-humana.

3. Adote um modelo de parceiro de negócios

As empresas que adotam esse modelo de RH contam com muito mais do que um generalista de RH médio. No modelo de parceiro de negócios de RH, funcionários designados – parceiros de negócios – do departamento de recursos humanos trabalham em estreita colaboração com os líderes seniores da empresa para desenvolver uma agenda de RH que apoie de perto a missão geral da empresa.

Ver também: Os 3 clientes essenciais mais desejam

As parcerias de negócios de RH estão se tornando cada vez mais populares, à medida que as empresas colocam mais foco no alinhamento de agendas individuais com os objetivos comuns da empresa. O modelo de parceiro de negócios exige que o RH se envolva mais em quase todos os aspectos do negócio, desde a situação financeira até as projeções de vendas e estatísticas de produção – você escolhe.

Em vez de agir como o parceiro silencioso dentro de uma organização, os parceiros de negócios desempenham um papel ativo dentro da empresa. Essa integração de RH e outras funções de negócios torna mais fácil identificar, desenvolver e alinhar funcionários. E isso é um negócio inteligente.

Traduzido e adaptado por equipe Autônomo Brasil

Fonte: Entrepreneur 

ANÚNCIO