5 ótimas maneiras de seus funcionários ajudarem você a contratar pessoas mais inteligentes

ANÚNCIO

As empresas que lutam para encontrar os melhores talentos não devem procurar além dos amigos de seus funcionários. Sim, isso significa exatamente o que parece – porque as entrevistas de emprego a partir de referências de funcionários têm muito mais probabilidade de levar a uma oferta de emprego aceita.

Um novo relatório de pesquisa da Glassdoor, para quem eu blog, apóia isso. O relatório analisou uma amostra de mais de 440.000 avaliações de entrevistas de emprego postadas no Glassdoor desde 2009 e descobriu que as recomendações de funcionários aumentaram as chances de uma correspondência de emprego bem-sucedida em 2,6% para 6,6%.

ANÚNCIO

Conexões pessoais, então, são a chave para contratar os melhores talentos, mas nem sempre são a fonte de um candidato. As conexões são usadas por apenas cerca de 10% dos candidatos, descobriu a Glassdoor. Os gerentes, entretanto, devem tirar proveito desse recurso. Aqui estão algumas maneiras de aproveitar um rico pool de talentos por meio de amigos e conexões de seus funcionários existentes:

1. Aumente a conscientização sobre as oportunidades disponíveis

Para atrair talentos, as pessoas precisam primeiro estar cientes das oportunidades disponíveis. Em segundo lugar, eles precisam concordar que essas oportunidades são valiosas para seu crescimento e desenvolvimento como profissionais.

Na verdade, 59% das pessoas ingressam em uma empresa por causa da oportunidade e de um melhor plano de carreira, o LinkedIn constatou em uma pesquisa com mais de 10.000 pessoas que mudaram de emprego entre dezembro de 2014 e março de 2015.

ANÚNCIO

Não limite o anúncio de vagas de emprego apenas aos painéis de empregos. Se os funcionários não sabem que sua empresa está contratando, essa lacuna no problema de conscientização pode ser o resultado de uma falha de comunicação.

Comunique oportunidades internamente, mas também as transmita nas páginas de mídia social da empresa. Além disso, coloque uma mensagem clicável “junte-se à nossa equipe” na página inicial do site para que todos os visitantes vejam.

2. Mostre a quem está de fora como é trabalhar na sua empresa

Cerca de metade de todos os candidatos a emprego, descobriu o LinkedIn, afirmam que o maior motivo de não mudarem de emprego é que não sabem como seria trabalhar para um empregador em potencial.

Resolva esse problema na sua empresa criando uma série de vídeos de cultura em um canal como o YouTube ou Vimeo. Ou use aplicativos como Vine e Snapchat para ilustrar a cultura da sua empresa usando pequenos trechos. Mostre acontecimentos emocionantes e palhaçadas de escritório para que os espectadores vejam como é fazer parte de sua equipe.

Business Archives - Kno.ng
Foto: (Reprodução/Internet)

Dependendo da organização, os funcionários podem ser capazes de gerenciar esse “canal de cultura” inteiramente, tirando parte do trabalho das mãos do RH (é claro, reveja todos os vídeos antes de serem postados publicamente). Peça aos funcionários que compartilhem o que criam nas redes sociais e assista a esses vídeos viralizarem.

3. Recompense os funcionários que indicarem os melhores desempenhos

Não deve ser surpresa que a maioria (64 por cento) dos recrutadores dizem que as referências produzem os candidatos da mais alta qualidade, de acordo com a Pesquisa de Recrutamento Social de 2014 da Jobvite. Quando os funcionários se sentem investidos em uma organização, eles não recomendam alguém cujas habilidades eles não endossam. Afinal, esse novo membro da equipe acabará sendo parcialmente responsável pelo sucesso da equipe.

Incentive os funcionários a indicar amigos e conexões, com um bônus ou outras vantagens. Recompense os funcionários cujas referências permanecem na empresa por um determinado período de tempo e têm um bom desempenho. Isso garantirá um pool de talentos de alta qualidade e incentivará os funcionários a continuarem ajudando a empresa a construir uma grande equipe por meio de conexões de referência.

4. Aproveite o poder do LinkedIn

Cerca de 16 em cada 100 novos funcionários já estão conectados com alguém que trabalha na empresa antes de serem contratados, de acordo com dados do LinkedIn que mediram os novos cargos adicionados em outubro de 2014.

Os candidatos a emprego aproveitam sua primeira, segunda e terceira conexões no LinkedIn para apresentá-los às pessoas certas para conseguir um emprego. Como empregador, por que não fazer o mesmo para encontrar ótimos candidatos? Entre em contato com pessoas que têm grandes redes no LinkedIn – mais de 100 conexões – e pergunte se eles conhecem alguém que possa ser adequado para o trabalho em questão.

Ver também: Você deve aumentar o salário de seus funcionários? 

5. Acesse as redes sociais dos candidatos, usando tecnologia

Se as redes sociais da empresa estão se esgotando, olhe para outras redes criadas especificamente para ajudar as empresas a encontrar melhores correspondências de talentos por meio de conexões.

Use uma ferramenta de recrutamento social como o Reflik para se conectar com recrutadores independentes que não apenas encontram candidatos qualificados, mas podem acessar as redes sociais de candidatos qualificados para encontrar outras referências para a posição.

Traduzido e adaptado por equipe Autônomo Brasil

Fonte: Entrepreneur 

ANÚNCIO