Como dimensionar sua empresa com pequenas equipes

ANÚNCIO

Quando o tamanho de uma empresa cresce para mais de 10 pessoas, algo muda fundamentalmente. A diversão e a sensação de união que você tinha em uma equipe pequena vão pela janela. A comunicação fica mais difícil. As pessoas fazem suas próprias coisas e cuidam de seus próprios negócios enquanto se movem em direção ao temido silo.

Quando isso aconteceu na minha própria empresa, olhei para trás, para uma época em que tínhamos cerca de cinco pessoas. Tentei descobrir o que havia mudado: por que nos mudamos tão rápido quando éramos cinco pessoas, por que nos sentíamos como uma família quando éramos tão pequenos. E, por que não parecia da mesma maneira quando o tamanho de nossa equipe cresceu para 15.

ANÚNCIO

Foi quando descobri a ideia de equipes multifuncionais. Em meados de 2015, reestruturei minha empresa em torno dessa ideia. Decidi que cada equipe teria cerca de cinco pessoas. Cada equipe incluiria pessoas de diferentes funções, incluindo desenvolvimento, design, marketing, ciência de dados, operações e suporte ao cliente.

O que torna as equipes multifuncionais tão bem-sucedidas? Existem cinco razões: confiança, velocidade, criatividade, propriedade e liberdade.

1. Confiança

Estar fisicamente perto gera confiança entre os membros da equipe. Sentar lado a lado na mesma sala, tomando decisões juntos, indo almoçar juntos e fazendo atividades divertidas juntos cria laços fortes entre os membros da equipe.

ANÚNCIO

Juntas, as equipes comemoram os sucessos e lamentam os fracassos. Todas as equipes que funcionam bem têm uma grande coisa em comum – uma tremenda confiança entre os membros da equipe.

2. Velocidade

As equipes multifuncionais são pequenas e ágeis, o que significa que podem tomar decisões e executar tarefas em um curto espaço de tempo. Quando as equipes precisam tomar uma decisão ou mudar de direção, não agendam uma reunião para duas semanas a partir de hoje.

Os membros da equipe podem rapidamente se reunir, discutir a situação e tomar decisões no local. Eles decidem rápido. Eles se movem rápido.

3. Criatividade

A criatividade requer diversidade. Reunir pessoas de diferentes funções é uma ótima receita para ter ideias novas, já que cada indivíduo traz uma perspectiva única para a mesa. “Um desenvolvedor, um designer e um profissional de marketing entram em um bar”: tal frase seria um ótimo cenário para uma piada, mas quando essas pessoas realmente entram na mesma sala, sua capacidade de encontrar ótimas soluções aumenta exponencialmente.

The Difference Between Teamwork and Team Building
Foto: (Reprodução/Internet)

4. Propriedade

Em equipes pequenas, há mais transparência e os resultados são imediatamente visíveis. Existe uma relação um-para-um entre os membros da equipe e os resultados. O reconhecimento é mais frequente, específico e significativo. Por exemplo, se o design de uma solução final for ótimo, é óbvio que o designer da equipe fez um ótimo trabalho.

Da mesma forma, as falhas também estão obviamente vinculadas aos membros da equipe. Quando você sabe que receberá o crédito pelos resultados, é mais provável que tenha um desempenho melhor.

Veja Também: Facilite sua liderança com essas lições

5. Liberdade

As equipes multifuncionais têm mais liberdade para tomar suas decisões e trabalhar do seu próprio jeito. Quando você está livre para fazer o que quiser, você investe mais em seu trabalho. Você se entrega ao trabalho. A liberdade gera propriedade e propriedade gera resultados.

A lição geral que aprendi foi não ter medo de tentar um curso de ação diferente. Mudar pode ser difícil para pessoas e empresas. No entanto, se seu sistema atual não for eficaz e você não tomar a iniciativa de melhorar por meio da mudança, manter o curso pode ser desastroso.

Traduzido e adaptado por equipe Autônomo Brasil

Fonte: Entrepreneur 

 

ANÚNCIO