Qual o melhor tratamento para queda de cabelo?

Pode ser que em alguma ocasião o seu cabelo tenha caído durante o banho, quando você mexe nele ou quando o penteia. Até esse ponto é algo normal. Mas e quando ele começa a cair exageradamente? E não são só três ou quatro fios, é em volume maior. O desespero é imediato!

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Dermatologia, cerca de 80% dos homens e 30% das mulheres da população brasileira vão sofrer com esse problema. Mas como lidar com a queda de cabelo? Como é feito o tratamento para resolver a causa?

Existem alguns métodos usados por alguns dermatologistas mediante a gravidade da doença, mas apresentam efeito positivo.

Tratamento para queda de cabelo por medicamentos

remédio caseiro tratamento de queda de cabelo

Esse é o método mais comum. Tendo como função principal proteger os receptores androgenéticos contra a alopecia (queda de cabelo). Também é o melhor método porque é mais barato do que implantes ou outro tipo de cirurgia, mas não pense que é um tratamento em curto prazo. Ele precisa ser feito pontualmente a fim de garantir o efeito positivo que promete oferecer.

Dependendo da idade que o problema aparece, o indivíduo precisa continuar com todo o tratamento, desde o período de miniaturização até o momento em que a queda de cabelo se tornar um pouco mais agressiva.

Reduzindo o DHT nos fios de cabelo e diminuir a velocidade da agressão da alopecia, o que leva um intervalo de tempo entre 7 a 9 meses, variando de cabelo para cabelo. Porém, a grande maioria dos medicamentos reforça a proteção capilar da queda, aperfeiçoa a circulação no coro cabeludo e aumentam a produtividade de fios.

Veja também:

 

Tratamento com xampus, condicionadores e outros produtos

Sim, o tratamento também se mostra efetivo contra a queda de cabelo usando esses produtos. Contudo, é sempre bom ter atenção, pois é necessário identificar qual a causa da queda de cabelo. Mesmo em homens e mulheres, a noção exata da causa ajuda na escolha do produto mais eficaz para a queda.

Casos de calvície, por exemplo, são solucionados com o uso de loções capilares, xampus, condicionadores e cremes capilares que promovem a melhora. Já para casos de cabelos que se quebram ou têm se mostrado fracos e caem com muita facilidade, o uso de vitaminas específicas, hidratantes e máscaras capilares são uma ótima alternativa para reverter a situação, uma vez que grande parte da ocorrência desse problema se dá pela falta de nutrientes.

 

Procure um médico dermatologista

Embora os casos sejam parecidos, não é bom usar qualquer método que vier pela frente. Estresse, ansiedade, agressões químicas, carências alimentares são alguns dos motivos que desencadeiam a doença.

Mas a melhor escolha é procurar rapidamente um dermatologista que irá detectar a causa correta, o diagnóstico correto e quais serão os resultados obtidos.

Outras soluções podem ser usadas como micro-agulhamentos, vascularização para formação de fios, aplicação de latanoprosta e minoxidil. Esses tratamentos formam novos fios e aumentam a vida útil da produção de novos fios. Contudo, é bom procurar um especialista que verá qual a melhor alternativa para resolvê-lo e evitar problemas mais tarde.

 

Vídeo | Tratamento gastando muito pouco

https://youtu.be/6LJ_JbI0c4Q

Participe! Deixe abaixo seu comentário:

       

Deixe um comentário

*